Entrevista – Fabio Morozini

0
69

Rochas naturais em projetos ao redor do mundo

Um verdadeiro apaixonado pela sua profissão e pela aplicação das rochas ornamentais em projetos de arquitetura e interiores: essa pode ser a definição inicial para falar sobre o arquiteto Fabio Morozini. Com 26 anos de experiência à frente de um dos escritórios mais renomados e exclusivos de São Paulo (SP) e do país, Morozini começou focado em paisagismo, em 1995, e de lá para cá já entregou mais de 400 projetos dentro e fora do país.

Além do escritório em São Paulo, o arquiteto também é sócio do Studio H.M, que tem filiais nos Estados Unidos, atendendo também ao México, em parceria com Christina Hamoui. Com isso, Morozini leva seus projetos personalizados e sua paixão pelas rochas ornamentais para além das fronteiras do Brasil.

Nesta entrevista exclusiva para a Revista Rochas de Qualidade, Morozini conta um pouco sobre como começou na profissão, explica suas preferências em projetos de arquitetura e destaca o uso de rochas ornamentais: elas aparecem em todas as suas obras, desde pequenos apartamentos até coberturas e casas. 

– No universo das rochas ornamentais, qual é o tipo de material que você mais gosta de trabalhar? Por que?

Eu gosto de todos, cada material dita o seu uso, então não costumo ter uma preferência. Mas posso dizer que um bom granito brasileiro, com acabamentos diferenciados, é um material incrível. Também adoro os mármores nobres, como os Calacattas, os Nero Marquina, os Nero Portoro, os Rosso Lepanto e os Gris Armani. Todos os meus projetos têm alguma coisa em mármore, sejam peças ou espaços inteiros.

– Em seus projetos, vemos o uso de rochas ornamentais em ambientes diversificados. De onde vêm suas inspirações? Como faz a escolha das rochas ornamentais para seus projetos?

Essa é uma pergunta difícil, mas acredito que, em termos de inspiração, o que me faz diferente é que eu pesquiso muito e leio muitas revistas. Tenho um hábito – que pode ser considerado antigo – de parar nas bancas ao redor do mundo e comprar revistas. Acredito que a principal pesquisa é a leitura, pegar uma revista na mão e ler é muito diferente de passar na tela do celular ou do computador, buscando inspirações apenas em redes sociais. 

Em relação às escolhas de rochas, são sempre definidas de acordo com o projeto, alinhando ao estilo do cliente e suas preferências. Para apartamentos sofisticados em São Paulo, por exemplo, costumamos utilizar mármore nos pisos, mármores naturais em 100% das paredes dos banheiros, com bancadas de lavabos em ônix ou mármores diferenciados. Já para uma casa de campo, utilizo um granito em um acabamento diferenciado para todos os pisos, subo ele para as paredes dos banheiros, utilizo ele nas áreas gourmet e na sauna. Utilizamos também para as casas de campo, os mármores Travertino Silver e Travertino Romano Bruto.

Gosto muito de escolher as chapas das pedras que usarei nos meus projetos. Todas as marmorarias que eu trabalho já conhecem minhas preferências em casamentos de veios. Manchas e imperfeições não podem estar presentes.

– Quais projetos com rochas ornamentais estão no topo de suas obras? Como foi o processo de escolha e especificação?

Todos eles: eu utilizo pedra ornamental em todos os meus projetos, desde o menor apartamento até as grandes coberturas e casas. Por fatores que incluem praticidade, nobreza e beleza dos materiais naturais, então acabo aplicando em todos os ambientes, desde os mais usuais como cozinhas, lavabos e banheiros, até tetos de banheiros e saunas, interior de piscinas, além de detalhes de arquitetura e decoração como lareiras, bancadas de lavabos, tampos de mesas e ilhas de closet, em ônix e mármores.

No processo de especificação, somos muito rigorosos e cuidadosos para que o acabamento seja impecável. Eu tenho um padrão que precisa ser seguido por todos os fornecedores do escritório, somos muito exigentes com acabamento, transporte, instalação, polimento, enfim, com todo o processo. 

Em uma frase

O melhor projeto da sua carreira foi… uma cobertura no início da minha carreira, que tinha 2 mil metros quadrados e foi concluída em 2007.

Seu livro de cabeceira é… milhões (risos). Sempre estão os que contam a história da família Cartier; como melhorar o atendimento a clientes pela Mercedes Benz; The Cult of the family, além de diversas revistas de arquitetura e decoração.

Nos seus projetos não pode faltar… primazia na execução de absolutamente todos os detalhes.

Uma rocha ornamental… todas as naturais, que são únicas e para serem admiradas. Um tipo de acabamento para rochas… todos.

O que ou quem te inspira? A vida me inspira. O dia a dia me inspira.

Uma dica para quem está começando é… Insista na profissão e naquilo que você gosta, e ultrapasse os desafios – que existem em qualquer profissão.

FABIO MOROZINI

Rua Vergueiro, 1.353, 18º andar, sala 1.803.
Torre Norte São Paulo – São Paulo (SP).
São Paulo: (11) 2537-2996  ¦ Miami - FL - USA: +1 305 904-9474
projeto@fabiomorozini.com.br  ¦ http://fabiomorozini.com.br  
Instagram: @fabiomorozini  ¦  Facebook: Fabio Morozini